domingo, 11 de dezembro de 2011





Em frente a um espetáculo como esse, às 00:00h, promessas e mais promessas foram feitas. Prometia mudar, parar de sofrer, conseguir ligar o foda-se para tudo que me fere. Esquecer uma determinada pessoa. Agora, já estamos quase no fim do ano, e nada disso aconteceu. Posso dizer que de certa forma eu mudei, mas não mudei para o que eu desejei. Talvez se eu tivesse conseguido fazer tudo o que eu prometi, meu presente agora estaria como o idealizado. E eu não estaria tão mal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário